quarta-feira, 22 de fevereiro de 2017

Etiqueta em tempos modernos...




Imagem: Divulgação Internet



"A etiqueta é um código de relacionamento e, como tal, o seu conhecimento melhora o nosso dia a dia e consequentemente as relações. Porque etiqueta, no fundo, é isto: um conjunto de gestos de bom senso, sinceridade e carinho que facilitam e embelezam a nossa vida. Pode apostar..." Claudia Matarazzo

Etiqueta social não deve ser encarada como uma frescura, um fardo ou idéias sem sentido. Ao contrário, são pequenas regras que existem para facilitar a nossa vida e não para complicar! Afinal educação, cortesia, etiqueta e gentileza andam juntas.

12 Atitudes bem simples e que muita gente esquece...

1. Seu celular é mais um meio de comunicação. Você não deve ser escravo dele. E lembre-se quem está na sua frente, precisa ter a prioridade da conversa. Salvo se você for médico e for salvar alguém via celular. Em tempo, ele (o celular)nunca vai para a mesa do restaurante. (Ponto final).

2. Seja pontual para qualquer situação. Você pode dar qualquer desculpa, mas ainda será um "atraso"." A pontualidade é a cortesia dos Reis e obrigação dos educados." Provérbio inglês

3. No elevador a prioridade é para quem vai sair e só depois deve-se entrar. Por uma questão "lógica" de espaço. Nas escadas você sempre caminha pela sua direita (seja subindo ou descendo).

4. Sinceridade demais faz mal. Lembre-se a "(...) Minha sinceridade vai até onde a minha delicadeza permitir..."Rosicler Ceschin

5. Não é o dinheiro ou valor que torna alguém elegante. Ostentação não é sinônimo de elegância!!! É brega!!!! Agora "o menos é mais". A "Elegância tem a ver com atitudes, com o modo de se relacionar com o outro. É ser atento ao outro." Marieta Severo

4. "(...) Poupar as pessoas de situações involuntariamente vexaminosas é prova de muita educação e civilidade." Gloria Kalil. Expor as pessoas ao ridículo ou deixá-las em situação embaraçosa pessoalmente ou virtualmente não é divertido, é deprimente...  Triste das pessoas que necessitam disto para achar graça ou levar algum proveito.

5. Respeitar as diferenças e escolhas, do outro, seja qual for... Falar em preconceito neste século é vergonhoso! Só discuta religião, futebol, cultura ou política se for for suficientemente evoluído, equilibrado e gentil com a escolha e a opção do outro... 
"(...)Nada mais civilizado do que saber conviver com as diferenças..." Gloria Kalil 

6. Por favor, obrigada e com licença são expressões de pessoas educadas e devem ser usados o dia todo... Deveriam ser mantras...

7. É importante saber as posições dos talheres, Claro! Mas, mais importante ainda, é tratar bem quem presta qualquer atendimento a você. Como alguém sabiamente disse: "A elegância do comportamento é a mais difícil de ser ensinada..."

8. Não grite. Não fale alto... Seu tom de voz deve ser o suficiente para o outro te ouvir.

9. Use as redes sociais com cautela... Não seja o chato ou viciado digital.

10. No trânsito somos todos pedestres. Respeite a sinalização, não coloque outros em risco. Seja consciente! "Respeito no trânsito é mais que segurança; é ato de cidadania".

11. Seja cortês. As suas atitudes mostram quem você é... De acordo com a psicologia, a atitude é comportamento habitual que se verifica em circunstâncias diferentes. "(...)As palavras nos confundem. As atitudes resolvem..." Martha Medeiros

12. Discussões, xingamentos, brigas e baixaria de qualquer espécie pessoalmente ou em redes sociais definitivamente não é uma atitude legal, e dificilmente resolve as pendências. Existem meios jurídicos para recorrer a seus direitos. E em toda rede social há algum tipo de bloqueio, aproveite este recurso! "(...) Fico triste quando alguém me ofende, mas, com certeza, eu ficaria mais triste se fosse eu o ofensor." Chico Xavier

A correria do dia a dia, a falta de tempo, o stress, a globalização, o excesso de atividades e a digitalização das relações acabam priorizando o rápido e o prático e, muitas vezes, esquecemos do básico e necessário, que é o cuidado básico às pessoas e aos relacionamentos. 

Na dúvida de como proceder, sempre vale a pena avaliar como seria a atitude mais gentil. Como eu gostaria de ser tratado? "A vida não é nunca tão breve que não haja tempo para a cortesia!"

Simples assim...

Chris T. Millard

segunda-feira, 20 de fevereiro de 2017

Esmaltes: Que cor eu vou?



Imagem: Internet

Fato: Nós mulheres somos loucas por esmaltes. Ponto final.

Devemos usar a mesma cor da mão nos pés?
Podemos inovar com cores diferentes? 
Como combinar as cores sem parecer brega?
Posso fazer em casa?

Sete dicas para não fazer feio: 

1. Usar o mesmo esmalte tanto nas mãos quanto nos pés não é uma regra, a não ser que queira usá-lo dessa forma por questão de gosto ou praticidade. Você pode variar e ousar nas cores com inúmeras possibilidades, a opção talvez mais usada é esmalte escuro nas mãos e clarinho nos pés ou vice e versa, dependendo do seu gosto pessoal.

2. Combinar esmaltes com roupa e acessórios, na moda atual é considerado brega e feio, pois em se tratando de moda a palavra é inovar, contrastar, por isso não tenha medo, faça mistura de cores, crie, ouse, sem esquecer-se de usar também o bom senso.

3. Foi-se o tempo em que os esmaltes eram só vermelhos, clarinhos ou rosinhas. As unhas hoje ganham cores fortes, texturas e formatos diferentes. E os pés não ficam de fora desse movimento. Tem pata todo gosto...

4. Nas combinações (ou descombinações) de esmaltes vale tudo: cores contrastantes, complementares, dois tons de uma mesma cor, duas cores vibrantes, dois tons pastel ou ainda acabamentos diferentes.

5. No quesito unhas decoradas, todo cuidado é pouco. Aqui vale aquela máxima: menos é mais! Pode, claro que pode... Mas como detalhe...

6. Unhas grandes "naturais ou artificiais" não é um problema, desde que sua profissão permita... Mas quanto maior, lembre-se, mais sexy e mais difícil manter...

7. Pode fazer em casa?! Claro que pode, se você tem esta habilidade, parabéns!!!!

Mas se você faz a linha mais básica, não entre em pânico... Pode também!!!! Só não vale desleixo. Unhas limpas e aparadas sempre. Se possível com uma base. 

E se você é alérgica a esmaltes, atualmente são vários os fabricante s e uma infinidade de cores. Além de bases manipuladas...

Tudo depende de você!
Abraços,
Chris T. Millard

quinta-feira, 16 de fevereiro de 2017

Stalker: Como se defender?!

Imagem: Internet
Stalker é uma palavra inglesa que significa "perseguidor". É aplicada a alguém que importuna de forma insistente e obsessiva uma outra pessoa.

É uma forma de perseguição e violência na qual o sujeito invade repetidamente a esfera de privacidade da vítima, empregando táticas de perseguição, monitoramento, chantagem, incluindo ligações telefônicas, envio de mensagens pelo celular ou correio eletrônico, publicação de fotos, fatos além de ameaças ou boatos por meios diversos, seja pessoalmente, ou nas redes sociais.

É importante esclarecer que um stalker em rede social é um stalker também fora dela, ou seja, a rede social é apenas uma ferramenta que facilita esse comportamento. 

Muito são os ex parceiros que são vítimas e vivenciam uma perseguição feita através das redes sociais por um ex-companheiro(a) que não aceita a separação.  Normalmente começa com o envio ameaças, recados em redes sociais e mensagens" inbox", muitas vezes seguida de difamação, calúnia e injúria. Além de exposição e ofensas a vítima junto a sua rede de amigos. Como também criação de perfis falsos a fim de manter a constante vigília ao que o outro faz.

Esta perseguição pode causar prejuízo à integridade psicológica e emocional da vítima, como também restrição à sua liberdade de locomoção ou lesão à sua reputação. Os motivos dessa prática são os mais variados: erotomania, violência doméstica, inveja, vingança, ódio e a não aceitação de términos de relacionamentos seja de que ordem for.


Entenda isto é crime, punível nos termos da Lei. Inclusive pode-se aplicar a Lei Maria da Penha e pode sim ser provado, mesmo que o agressor tenha utilizado um perfil falso na Internet.

Como agir:
  • Contar para as pessoas próximas.
  • Registrar um Boletim de Ocorrência e  anexar as mensagens enviadas pelo perseguidor impressas. (Dê um print de tudo e leve como prova).
  • Tratando-se de ex-companheiro(a) é possível pedir para o juiz decretar uma medida protetiva proibindo o agressor de se aproximar fisicamente da vítima e de se comunicar com ela por qualquer meio (telefone, e-mail, carta e rede social).
  • Contratar um advogado para maiores orientações e buscar judicialmente seus direitos.
Fica a dica,
Christianne T. Millard

Fonte: Texto baseado no Artigo do Dr Fabiano Silva de Andrade - OAB/SP nº 322389
http://andrade-guardalini.jud.adv.br
https://br.norton.com
https://www.significados.com.br/stalker/

quarta-feira, 15 de fevereiro de 2017

Valentine's Day

Imagem: Internet Divulgação

Cada qual sabe amar a seu modo; o modo, pouco importa; o essencial é que saiba amar.
Machado de Assis.

O Dia dos Namorados, em alguns lugares (Estados Unidos, Canadá, Europa e alguns países orientais) é comemorado no dia 14 de Fevereiro e é chamado Dia de São Valentim, ou Valentine's day e é uma data especial na qual se celebra a união amorosa entre casais e namorados, e em algumas culturas é o dia de demonstrar afeição entre amigos. 

A origem da data é controversa... Para alguns São Valentim foi um mártir da Roma Antiga que realizava casamentos entre jovens que iriam para guerra, sendo condenado nesta data, exatamente por este motivo, já que o Imperador Cláudio II acreditava que jovens solteiros eram melhores guerreiros. Já a Igreja Católica deixou de reconhecer a existência de Valentim por falta de indícios históricos de sua existência... Enfim...

No Brasil a data é comemorada no dia 12 de junho, véspera do dia de Santo Antônio, conhecido pela fama de "Santo Casamenteiro". A data provavelmente surgiu no comércio paulista, quando o publicitário João Dória (pai do atual prefeito de São Paulo João Dória Jr.) trouxe a ideia do exterior e a apresentou aos comerciantes, iniciando em junho de 1949 uma campanha com o slogan "Não é só com beijos que se prova o amor" e aumentando as vendas no comércio.

Independente da data, todo dia é dia de comemorar o amor... "(...) Mas ninguém é obrigado a comemorar o dia dos namorados ou manifestar-se contra. Cada pessoa escolhe se vai celebrar ou não, de acordo com sua consciência e conveniência... O bom ou mau uso do dia depende somente de cada pessoa..." 

Feliz dia,
Chris T.Millard
Fonte: http://www.sitedecuriosidades.com
http://www.consumidormoderno.com.br


segunda-feira, 13 de fevereiro de 2017

Como degustar um vinho?

Imagem: Internet Tirinhas Willtirando

Degustar um vinho é tomá-lo prestando atenção em todos os detalhes. São três etapas: análise visual, olfativa e gustativa, para esclarecer:
1.  SEMPRE segurar a taça pela haste! Para evitar que o calor da mão aqueça o vinho.
2.  Erguer a taça contra a luz em um fundo branco (do forro) ou feito pelo guardanapo: dar para analisar a intensidade da cor do vinho.
3.  Agitar a taça em movimento giratório: oxigena a bebida, fazendo com que libere mais facilmente os aromas.


O sommelier pode lhe dar boas dicas, para isto ele perguntará qual a uva, região ou estilo de vinho que você prefere, como também analisará o prato pedido. A degustação deve ser feita logo que o vinho é aberto para garantir que se trata de uma bebida de qualidade.

Um série de passos a serem seguidos por quem pediu o vinho no restaurante:
1.  Verificar o rótulo onde se adquiriu o vinho para confirmar o tipo de vinho, o ano da safra e a marca, que devem ser aqueles que você escolheu. Se estiver tudo de acordo, basta acenar com a cabeça que o sommelier entenderá o sinal.

2.  Ao abrir retirando a rolha da garrafa não deve descartá-la imediatamente, ela deverá sair inteira e deve ser analisada quanto a condições e cheiro.

Se você sentir um mau cheiro, isso significa que o vinho está estragado. 

No restaurante ou em lojas especializadas o sommelier auxilia o processo e cheira a rolha antes dos clientes, se tudo estiver certo ele divide discretamente a rolha com o cliente.

3.  O sommelier servirá uma pequena quantidade da bebida para quem pediu o vinho. No restaurante, você pode optar entre cheirar e degustar o vinho ou apenas cheirá-lo, você pode delicadamente girar a taça para que os aromas fiquem mais evidentes, e se inclina a taça (se o forro for branco) para ver as nuances de cor. Se o vinho estiver de acordo, acene mais uma vez para o sommelier para ser servido. 


4.  Se ao cheirar e provar notar alguma alteração no vinho avise o sommelier para que ele providencie uma nova garrafa. É importante ressaltar que você só deve devolver o vinho se ele estiver estragado. Caso você não tenha se agradado da bebida, guarde bem o pedido que fez e procure não repetir a escolha.


5.  Deverá ser servido em sentido horário, primeiro para as mulheres e depois para os homens. E quem experimentou é o último a ser servido.

Aromas (ou sabores) associados ao vinho: 
Frutados, ervas e vegetais, químicos minerais, florais, especiarias, animais, amadeirados, tabaco, fumaça, café ou chocolate.

Seja em um restaurante, loja especializada ou supermercado: A dica é sempre procurar pelo profissional especializado para obter dicas de tipos de uvas, regiões, combinação de pratos, de rótulos e safras antes de adquirir uma garrafa. Não tenha vergonha, pergunte... 

Tim tim,
Chris T. Millard

Fonte:
Livro Vinho série para Dummies, Ed MCCarthy e Mary Ewing-Mulligan Editora Campos
Pequeno Livro do vinho, Suzamara Santos Editora Verus

quinta-feira, 9 de fevereiro de 2017

Você é civilizado?

Imagem: Reprodução Internet
Responda: 
Você pára em fila dupla, mesmo que "rapidinho"? Joga lixo no chão? Fura fila? Dá bom bia para o porteiro? Tem consciência no uso da água e luz? Diz "por favor" e "obrigado"? Respeita o regimento interno no seu prédio? Dá seta ao mudar de faixa? Ocupa duas vagas no estacionamento? Atrasa para uma consulta médica? Hora de rever seu conceito de civilidade.

Já parou para pensar que sua conduta demonstra sua educação no amplo sentido da palavra?!

Civilidade, de acordo com o dicionário Aurélio, significa "conjunto de formalidades observadas pelos cidadãos entre si em sinal de respeito mútuo e consideração"¹.  É o respeito aos hábitos e costumes adotados por uma sociedade, objetivando o convívio respeitoso, cortês e solidário entre os seus membros.

As relações entre pessoas são muito complexas e as quebras de conduta nestas relações podem ser uma constante. Quanto mais evoluída uma sociedade, mais civilizada será...



Listei 30 tópicos para você avaliar como anda sua civilidade:
  1. Respeitar os vizinhos e seguir as regras de boa convivência.
  2. Não andar de salto no apartamento nos horários em que os vizinhos estão dormindo;
  3. Respeitar o horário de silêncio, e o regimento interno em prédios;
  4. Orientar as crianças sobre as regras de convivência com os vizinhos;
  5. Não colocar toda a vizinhança em perigo abrindo a porta para entregadores ao invés de buscar na portaria;
  6. Televisão e rádio jamais devem incomodar os vizinhos;
  7. Festas, comemorações devem respeitar os horários pré estabelecidos;
  8. Fazer o uso consciente dos recursos como luz e água;
  9. Ter boas maneiras, ser educado e afável no trato com as pessoas;
  10. Saber pedir desculpas quando cometer algum engano;
  11. Ter auto controle e calma diante de uma situação adversa;
  12. Saber reclamar pelos direitos sem ofender;
  13. Ser tolerante e respeitar a opinião dos outros;
  14. Não estacionar em vaga de deficiente ou idoso;
  15. Dar preferência às mulheres grávidas e idosos;
  16. Não furar fila, aguardando a sua vez;
  17. Obedecer as leias de trânsito;
  18. Não cruzar a rua fora da faixa de pedestre;
  19. Atravessar somente de acordo com o semáforo;
  20. Não beber e dirigir;
  21. Sinalizar com seta ao mudar de faixa ou fazer uma conversão;
  22. Dar preferência para o pedestre;
  23. Dirigir e não fumar ou falar/mexer no celular;
  24. Não parar em fila dupla;
  25. Ao estacionar ocupar apenas uma vaga;
  26. Não jogar lixo na rua;
  27. Separar o lixo para a coleta, colocar somente no dia certo e embalar corretamente;
  28. Ao sair para passear com o "dog", recolher o cocô na rua;
  29. Ter bons hábitos alimentares;
  30. Ser pontual, e em caso de atraso avisar quem está esperando.
Algumas atitudes demonstram falta de civilidade e educação. 

"Uma sociedade é o espelho dos seus cidadãos. Se eles não são civilizados ela certamente será uma sociedade medíocre."


"Educação é aquilo que a maior parte das pessoas recebe, muitos transmitem e poucos possuem..."Karl Kraus

no problema da educação que assenta o grande segredo do aperfeiçoamento da humanidade." Immanuel Kant


Fonte:
¹ Aurélio - Dicionário da Língua Portuguesa - Editora Positivo.

quarta-feira, 1 de fevereiro de 2017

Como escolher um perfume...

Imagem: Blog Os meus idealismos https://osmeusidealismos.wordpress.com
Matéria coisas que me irritam
olfato está ligado ao sistema límbico do cérebro, que regula as emoções, a sexualidade, o medo e o conforto. O ideal é o cheiro que traz conforto e prazer, porque altera o estado de espírito e eleva o humor.

É fundamental não exagerar no perfume, o excesso de perfume chega a ser uma invasão de privacidade: o ideal é que os outros sintam o perfume apenas quando chegarem bem perto.

Serve a regra: Perfumes florais ou então aromas leves para o Verão e sensuais para o Inverno. E lembre-se durante o dia menos perfume possível, como também em ocasiões como degustação de vinhos e cervejas e em academias...

Se quiser que o aroma exale mais: nuca, dobras do joelho, pescoço, centro dos seios e dobras dos cotovelos. Escolha apenas 2 pontos.

Um guia com os aromas
Cítricos: Busca os seus aromas às cascas dos citrinos, destacando-se a utilização da laranja, limão, toranja, tangerina e bergamota. É uma família aromática bastante popular porque produz perfumes leves, frescos e estimulantes. 

Floral: É a essência mais popular, relacionada com o feminino e o romântico. Normalmente, os perfumes florais têm um aroma com base de rosas, violeta, jasmim, gardênias e lavanda. São ideais para mulheres jovens.

Oriental: Tendem a ser odores mais penetrantes e seu cheiro lembra especiarias exóticas como pimenta, anis, canela, baunilha e aromas florais. Eles combinam com mulheres de idade madura e que sejam mais sofisticadas.

ChipreEsta família de fragrâncias é caracterizada pela a essência da terra, madeira e do musgo. Os perfumes lembram madeiras como cedro com um toque cítrico. O cheiro é ótimo para quem está na transição da adolescência para a fase adulta, pois não é tão forte e nem muito suave.

VerdeAs apaixonadas pela natureza têm tudo a ver com o aroma, também chamado de "feto". Estas fragrâncias têm um cheiro que lembra a frescura das ervas e plantas herbáceas como grama, folhas e campos.

Amadeirado: Este odor é penetrante, intenso e um clássico. Aromas de incenso e mirra, bem quentes. Utilizado tanto em perfumes masculinos, como femininos, resultam melhor quando combinados com os cítricos e os florais. Demonstra mistério e sensualidade. 

Oceano ou aquático: Impregnado do aroma suave de brisa do mar e notas marinhas com um toque de especiarias e frutas cítricas. Se você é dinâmica, vive na correria do dia a dia e se considera uma pessoa positiva este é seu aroma.

  
Fica a dica: Para as tímidas Light Blue, por exemplo, por ser um perfume mais comportado, floral, um pouco frutado, e a linha fresca como o Acqua Di Gio, para quem não quer chamar a atenção pelo perfume. 

Já para as ousadas/provocantes um oriental, tipo o Angel, de Thierry Mugler, é um bom exemplo. Ou então perfumes da Prada, que costumam ser mais amadeirados. 

Abraços,
Chris T. Millard

Fonte: http://www.mulherdeclasse.com.br
http://revistamarieclaire.globo.com
http://perfumeperfeito.com