domingo, 29 de julho de 2012

Maledicência...

Imagem: Arquivo Pessoal Chris Millard 26/julho 2012 Forum BH
"O homem bom tira coisas boas do bom tesouro que está em seu coração, e o homem mau tira coisas más do mal que está em seu coração, porque a boca fala do que o coração está cheio." (Lucas 6:45)

Maledicência: s.f. Qualidade de quem é maldizente. Ação de falar mal de alguém, com a intenção de denegrir, de deprimir. Este péssimo hábito de falar mal dos outros está presente no nosso cotidiano. Pessoas que habitualmente criam e/ou acrescentam pitadas de veneno em suas histórias afetando a vida do outro direta ou indiretamente.

Toda pessoa não suficientemente realizada em si mesma tem a instintiva tendência de falar mal dos outros. É um complexo de inferioridade unido a um desejo de superioridade. Diminuir o valor dos outros "oferece" a grata ilusão de aumentar o próprio valor... É uma característica de pessoas infelizes, sem amor, que sofrem de egoísmo, insegurança, inveja, baixa autoestima dentre outros desvios de comportamento.

Falar mal das misérias alheias é um prazer tão sutil e sedutor que uma pessoa de saúde moral precária facilmente sucumbe a essa epidemia. Portanto, cabe às pessoas lúcidas e de bom senso, não dar ensejo para que o veneno da maledicência se alastre, infelicitando e destruindo vidas.

"Calarei os maldizentes continuando a viver bem; eis o melhor uso que podemos fazer da maledicência." Platão


Abraços,
Chris Millard

Texto: Chris Millard
Fonte: Alguns trechos do livro "A Essência da Amizade" de Huberto Rohden

Keep calm and...

Imagem: Internet
Keep Calm and Carry On ("Tenha calma e siga em frente", em tradução livre) foi um cartaz motivacional, de criador desconhecido, produzido pelo Governo do Reino Unido em 1939 durante o início da Segunda Guerra Mundial para ser usado somente se os nazistas conseguissem invadir a Grã Bretanha. Em 2000, uma cópia deste cartaz foi redescoberta na Inglaterra. A criação agora está em domínio público e tem sido reproduzida por várias empresas tanto como tema decorativo, diferentes produtos e muita divulgação de frases.

O “Keep calm and...” está na moda, é tendência. Tudo bem, super legal a ideia, mas vejo a frase em todos os lugares e o tempo todo... Tanta visibilidade cansa! Stop "Keep calm and"...

Fonte: Wikipédia

As incompatibilidades no amor

Imagem: Internet
"Quando fazemos tudo para que nos amem e não conseguimos, resta-nos um último recurso: não fazer mais nada. Por isso, digo, quando não obtivermos o amor, o afeto ou a ternura que havíamos solicitado, melhor será desistirmos e procurar mais adiante os sentimentos que nos negaram.

Não fazer esforços inúteis, pois o amor nasce, ou não, espontaneamente, mas nunca por força de imposição. Às vezes, é inútil esforçar-se demais, nada se consegue; outras vezes, nada damos e o amor se rende aos nossos pés. Os sentimentos são sempre uma surpresa. Nunca foram uma caridade mendigada, uma compaixão ou um favor concedido. Quase sempre amamos a quem nos ama mal, e desprezamos quem melhor nos quer.

Assim, repito, quando tivermos feito tudo para conseguir um amor, e falhado, resta-nos um só caminho...o de mais nada fazer..."
Clarice Lispector

Então é isto...
Chris Millard

quarta-feira, 25 de julho de 2012

Em breve: Restaurant Week BH

Imagem: Foto Denis Medeiros Edição anterior
Restaurante Oak
Prato: Torteline de lagostim com pêra ao perfume de curry
Com a proposta de democratizar a alta gastronomia, os restaurantes participantes oferecerão menus com entrada, prato principal e sobremesa por R$ 31,90 no almoço e R$ 43,90 no jantar, mais R$ 1,00 para o Instituto Ayrton Senna. A segunda edição do evento este ano acontecerá de 27 de agosto a 09 de setembro. Confira alguns dos restaurantes "preferidos" desta edição:

Marília Pizzeria
Casa Infinita
D'Artagnan
Duke'n' Duke
Flores Restaurante
Hermengarda
L'Astigiano
Ah!Bon
Benvindo
Alegria
Wari
D'Instinto
Ficus
Oak
L'Entrecôte
Outono 81
Verano Gourmet e muitos outros...

Fonte: Guia Bh http://www.guiabh.com.br
Lista completa e endereços: http://www.restaurantweek.com.br/restaurantes/bh/lista
Imagem: Denis Medeiros www.trocatapa.com.br

terça-feira, 24 de julho de 2012

Bons amigos

Imagem: Cartão a venda no site http://www.zazzle.com.br
"Abençoados os que possuem amigos, os que os têm sem pedir.
Porque amigo não se pede, não se compra, nem se vende.
Amigo a gente sente!

Benditos os que sofrem por amigos, os que falam com o olhar.
Porque amigo não se cala, não questiona, nem se rende.
Amigo a gente entende!

Benditos os que guardam amigos, os que entregam o ombro pra chorar.
Porque amigo sofre e chora.
Amigo não tem hora pra consolar!

Benditos sejam os amigos que acreditam na tua verdade ou te apontam a realidade.
Porque amigo é a direção.
Amigo é a base quando falta o chão!

Benditos sejam todos os amigos de raízes, verdadeiros.
Porque amigos são herdeiros da real sagacidade.
Ter amigos é a melhor cumplicidade!

Há pessoas que choram por saber que as rosas têm espinho,
Há outras que sorriem por saber que os espinhos têm rosas!"

                                                            (Bons amigos-Machado de Assis)

Falar mal de ex...

Imagem: Internet
Sim, relacionamentos em geral deveriam ter uma cartilha de bons modos inclusive com um capítulo inteiro como se comportar quando o amor chega ao fim... O final é quase sempre uma sucessão de desrespeito, falta de civilidade, vingancinhas, joguinhos infantis, em casos mais sérios até perseguição, ameaças e demonstração explícita de ódio. 

Em todos os relacionamentos (amizade, namoro, casamento e afins) do início ao fim é necessário o básico: a elegância no comportamento. Isto se traduz em respeito pelo outro e por você.

Depois do rompimento da relação, a primeira situação totalmente deselegante e desnecessária é falar mal do(da) ex., expor o outro. Pega mal mesmo para quem fala. A segunda é aparecer imediatamente em todas as redes sociais com um novo amor, exalando felicidade na tentativa de passar uma imagem "não sofro por amor". Sabemos que a realidade é bem diferente. Sempre precisamos de um tempo para re-construirmos de perdas e decisões que mudam o rumo da história.

Em casos mais graves, em que um dos envolvidos é desestabilizado emocionalmente e não aceita o rompimento, começa a perseguir, seguir, ameaçar, caluniar para intimidar a vítima. Conte para sua família e se preciso, denuncie em uma delegacia, faça um B.O e uma ordem de restrição para sua segurança... A gente acha que conhece as pessoas, mas todo cuidado é pouco… E mesmo se a perseguição e/ou ameaça for através de meios de comunicação e/ou redes sociais ainda assim você também pode e deve denunciar.

Separações e mudanças sempre geram um desconforto. Precisa ser um momento de recolhimento e reflexão. Quando perguntarem sobre o(a) ex diga apenas terminamos e prefiro não falar sobre o assunto. Siga sua vida, seu caminho... Afinal os erros ou acertos do passado servem como lição.

Matérias relacionadas:
http://sofistetiqueta.blogspot.com.br/2015/11/crimes-ciberneticos.html

Abraços,
Chris Millard

Texto: Chris Millard
Fonte: Livro Alô Chics, Autora: Gloria Kalil Editora: Ediouro

O cliente sempre tem razão?

Imagem:
http://saladosoceanos.blogs.sapo.pt/24439.html publicação Abril/ 2010
Sim, o cliente sempre tem razão. Eles tem o poder de compra, de negociação e sobretudo de escolha. Por isso, as organizações vivem em um estado de dedicação máxima para com o cliente onde o poder deles é absoluto. As organizações precisam mais do que encantar! É necessário surpreender!
O cliente é rei... 

Mas você sabe como ser o cliente ideal? Lembre-se que majestade demanda gentileza!

20 Dicas para ser um ótimo cliente:
1. Todos os clientes são especiais para a empresa. Esqueça a ideia de pedir vantagens considerando seu sobrenome ou contatos. Resista!

2. Seja gentil com o atendente, cordialidade é essencial. Agradeça e peça por favor "sempre". Isto abre portas!

3. Pergunte, argumente, retire todas as suas dúvidas... Mas sempre com gentileza, quem atende merece respeito...

4. Está em um atendimento? Deixe o celular e os assuntos que não fazem parte da negociação para depois! Atenção deve ser voltada para o atendimento...

5. Comprar roupas? Lembre-se o que favorece seu tipo físico, a culpa não é do vendedor caso o modelito não favoreça ou a numeração não está adequada. Super deselegante falar "caro demais"! Use um perfume discreto, cuidado com a maquiagem na hora de experimentar e nunca deixe as peças jogadas no chão ou do lado avesso. É elegante ser gentil!

6. Vai se atrasar para um atendimento? Ligue com antecedência e avise. Afinal nunca foi tão fácil fazer uma ligação! E é uma deselegância máxima com o estabelecimento e com os demais clientes atrasar-se.

7. Mais do que nunca para reclamar é necessário educação e civilidade. Saiba quais são os seus direitos e reclame para quem pode realmente resolver sua situação. Não adianta ir para as redes sociais e "acabar" com o lugar. Você tem direitos, busque primeiro resolver com a empresa.

8. Nunca fure filas...

9. Ninguém tem nada a ver com seu mau humor, problemas ou descontrole. Não tente descontar em quem presta serviços para você. Falta de educação, estresse, TPM não são desculpas para destratar alguém...

10. Pedir desconto e negociar é uma coisa, ser chato e inconveniente é outra bem diferente... faça com bom senso. Se na empresa y é tão mais barato, opte pela empresa Y. Simples assim!

11. Tom de voz... Ajuste o seu tom para um volume mais baixo, desde que o outro consiga escutá-lo. Não grite... Quem está te atendendo não é obrigado a suportar isto.

12. Comunicação é a palavra chave. Seja o mais específico possível para dizer o que precisa, certamente o atendente será mais assertivo e a possibilidade de desentendimento reduz bastante.

13. Aguarde sua vez. Nada mais deselegante do que furar filas! Se é atendimento prioridade, lembre-se você tem uma fila específica.

14. Comprou errado?! Não serviu? Ganhou em duplicidade. Procure pela empresa e veja qual a política de atendimento. Você tem direitos, mas a empresa tem sua política de atendimento.

15. Respeito. É o básico de qualquer relação. 

16. Em caso de problemas junto ao fornecedor de produtos ou serviços, tente conversar... Procure sempre quem pode resolver o seu problema seja pessoalmente, por telefone ou e-mail. Deixe pára desabafar nas redes sociais depois de esgotados os meios para solucionar. Na dúvida acione o departamento de direitos do consumidor.

17. Em qualquer lugar no Brasil, nos restaurantes os 10% são opcionais. Fica a seu critério dar ou não conforme sua satisfação com o atendimento.

18. Se você fez reserva em um restaurante chegue no horário. O lugar não é obrigado a ter nenhuma tolerância quanto ao horário. Se você não fez reserva, não adianta reclamar da fila de espera...

19. Os estabelecimentos não são obrigados a receber toda forma de pagamento, desde que esteja informado/explicado em placas ou mesmo no cardápio.

20. Os estabelecimentos existem para manter clientes satisfeitos e consequentemente dar lucro. Se você foi mal atendido em algum aspecto, sinalize para o gerente, proprietário... Acredito fielmente que eles são os maiores interessados que você faça propaganda positiva e volte. Afinal qualquer estabelecimento precisa de clientes. Certo?!

Abraços,
Chris t. Millard


Texto: Chris T. Millard
Fonte: Pequeno livro da Etiqueta Autora: Ana Vaz Editora: Verus
Etiqueta Século XXI Autora: Celia Ribeiro Editora: L&PM

terça-feira, 17 de julho de 2012

Não pergunte por favor...

Imagem: Internet
Ah a linguagem é realmente uma fonte de mal entendidos como disse sabiamente a Raposa na fábula de Saint-Exupéry, O Pequeno Príncipe...
Algumas perguntas que devemos abolir da nossa vida e algumas simpáticas respostas para sair da "saia justa" destas perguntas.

1. Eu engordei? Eu emagreci?
A resposta pode deixar a pessoa triste ou pode ser uma mentira... O melhor é responder sabe que não reparei desde a última vez.

2. Quantos anos você tem?
A resposta pode ser quantos anos você acha que eu tenho e aí sim você está em uma situação muito mais delicada.

3. E esta barriguinha para quando é o bebê? Não pergunte!
Na maioria das vezes é apenas gordurinha extra e não tem conserto depois de perguntar.

4. Este é seu filho (a)?
As vezes é o(a) namorado(a) e ponto final.

5. É silicone? Fez plástica?
Que diferença faz para quem pergunta... Se a pessoa se sentir a vontade ela mesma aborda o tema.

6. Quanto você ganha? A menos que seja em uma entrevista de emprego é muito deselegante este tipo de pergunta. Se perguntarem para você, sorria e diga "o suficiente". Simples assim.

7. Quanto custou? Quanto você pagou? Resista... A não ser que você tenha muita intimidade com a pessoa.

8. Não lembra do meu nome? Que tortura! Horrível passar por esta situação... Ao invés de perguntar facilite a vida da pessoa ajudando de forma gentil de onde vocês se conhecem.

E muitas outras perguntas que são totalmente desnecessárias...

Abraços,
Chris Millard

segunda-feira, 16 de julho de 2012

Tool Box e os cristais da Strauss

Imagem: Blog Tool Box
Em 1950, o alemão Karl Friedrich Strauss desembarcou no Sul do Brasil trazendo consigo os conhecimentos da fabricação de peças em cristal, assim ele começou a ganhar a vida em seu novo país e passsou o conhecimento para as gerações seguintes de sua família, 35 anos depois, seu filho, Frederico Werner Strauss fundou a marca que se tronou a mais bem montada e melhor fábrica de artigos de cristal ao chumbo do Brasil.
A elegância dos produtos Strauss é ideal para fazer uma mesa inesquecível, presentear um amigo, receber em casa com estilo.

Visite a Tool Box e descubra a Strauss!

Texto: Blog Tool Box matéria veiculada em 30 abril 2012
http://www.tboxblog.com/

sexta-feira, 13 de julho de 2012

Acontece: Programação Dia do Rock BH

Sexta (Hoje)13 de Julho:

Mercado das Borboletas Rock no Mercado
Bandas, Djs, Pirografia, Slack Line, Esportes Radicais, Circo, Moda…
$30,00 (na porta)
Mercado Novo Av. Olegário Maciel, 742, 3º piso Centro


Music Hall
Show com a Banda Raimundos, Tianastácia e 9Ora
Entrada: 2º lote $60,00 (int) e $30,00 (meia)
22 hs Av. do Contorno, 3239 B. Santa Efigênia


Circus Rock Bar
Shows com as Bandas: Hocus Pocus, Seu Madruga, Aeroguns
$40,00 (Mas) e $30,00 (Fem)
Rua Gonçalves Dias, 2.010 B. Lourdes
www.circusrockbar.com.br

Estúdio B Music Bar
Shows com Malt 90 e Trilogia
$20,00 (Fem) e $25,00 (Mas) ou $70,00 de consumação sem entrada
Av. do Contorno, 3849 B. São Lucas
www.estudiobmusicbar.com.br

Celtic Irish Pub
Shows com as Bandas: U2 Cover MG, The Presleys Band e Uai Horses Rolling Stones
$20,00 (Fem) e $30,00 (Mas)
Rua Rio Verde 253 B. Sion
www.celticpub.com.br

Graças a Deus Bar
Show com a Banda Wok Tok  Rock
19 hs Rua Padre Odorico, 68 B. São Pedro
www.gracasadeus.com.br

Jack Rock Bar
Show com a Bandas: U2 Cover Brasil, Velotrol e Rock Station
$30,00 (Fem) e $40,00 (Mas)
Av. do Contorno, 5623
www.jackrockbar.com.br

Lord Pub
Shows com as Bandas: Aeroplane, Singles e Ca$h
$30,00 (Fem) $40,00 (Mas)
Rua Viçosa, 263 B.São Pedro
www.lordpub.com.br

Amsterdam Pub
Shows com GLEISON TULIO E KEILLA JOVI
Endereço: Rua dos Inconfidentes, 1141 B.Savassi www.amsterdampub.com.br

O porquê do Dia do Rock:
http://sofistetiqueta.blogspot.com.br/2011/07/dia-mundial-do-rock.html

Fonte e programação completa: Site http://www.vovodorock.com.br/
Valores sujeito a alterações sem aviso prévio e entrada conforme lotação/ capacidade dos locais.

quinta-feira, 12 de julho de 2012

Acredite no amor...

Imagem: Internet
"Não deixe de acreditar no amor, mas certifique-se de estar entregando seu coração para alguém que dê valor aos mesmos sentimentos que você dá, manifeste suas idéias e planos, para saber se vocês combinam, e certifique-se de que quando estão juntos aquele abraço vale mais que qualquer palavra..." 

Fonte: Luís Fernando Veríssimo

quarta-feira, 11 de julho de 2012

Se não quiser adoecer

Imagem: Internet
Algumas dicas do Dr. Dráuzio Varela se você não quiser adoecer:

1.Fale de seus sentimentos: Emoções e sentimentos que são escondidos, reprimidos, acabam em doenças como: gastrite, úlcera, dores lombares, dor na coluna... Com o tempo a repressão dos sentimentos degenera até em câncer. Então vamos desabafar, confidenciar, partilhar nossa intimidade, nossos segredos, nossos pecados, extravasar nossas emoções, afinal rir e chorar não são pecados. O diálogo, a fala, a palavra, é um poderoso remédio e excelente terapia. Mas escolha onde, quando e sobretudo com quem você vai desabafar.

2.Tome decisão: A pessoa indecisa permanece na dúvida, na ansiedade, na angústia. A indecisão acumula problemas, preocupações, agressões. A história humana é feita de decisões. Para decidir é preciso saber renunciar, saber perder vantagem e valores para ganhar outros. As pessoas indecisas são vítimas de doenças nervosas, gástricas e problemas de pele.

3.Busque soluções: Pessoas negativas não enxergam soluções e aumentam os problemas. Preferem a lamentação, a murmuração, o pessimismo. Melhor é acender o fósforo que lamentar a escuridão. Pequena é a abelha, mas produz o que de mais doce existe. Somos o que pensamos. O pensamento negativo gera energia negativa que se transforma em doença.

4.Não viva de aparências: Quem esconde a realidade finge, faz pose, quer sempre dar a impressão que está bem, quer mostrar-se feliz, perfeito, bonzinho, está acumulando toneladas de peso... uma estátua de bronze, mas com pés de barro. Nada pior para a saúde que viver de aparências e fachadas. São pessoas com muito verniz e pouca raiz. Seu destino é a farmácia, o hospital, a dor.

5.Aceite-se: A rejeição de si próprio, a ausência de autoestima, faz com que sejamos algozes de nós mesmos. Ser eu mesmo é o núcleo de uma vida saudável. Os que não se aceitam são invejosos, ciumentos, imitadores, competitivos, destruidores. Aceitar-se, aceitar ser aceito, aceitar as críticas, é sabedoria, bom senso e terapia.

6.Confie: Quem não confia, não se comunica, não se abre, não se relaciona, não cria laços profundos, não sabe fazer amizades verdadeiras. Sem confiança, não há relacionamento. A desconfiança é falta de fé em si, nos outros e em Deus. Procure, pois ainda existem pessoas confiáveis neste mundo.

7. Não viva SEMPRE triste!: O bom humor, a risada, o lazer, a alegria, recuperam a saúde e trazem vida longa. A pessoa alegre tem o dom de alegrar o e melhorar o ambiente em que vive. Pergunte se realmente você tem motivos para estar triste. E não fique por longos períodos, certamente você tem motivos também para estar feliz.

8. Ame: Estudos feitos na área psicoafetiva mostram que amar é bom para o coração em ambos sentidos. Ame de verdade, mas sem exageros. Ame sua família, seus amigos, seu trabalho e a si mesmo. O afeto, o amor, a dedicação, o cuidado, a compreensão, o carinho são fundamentais para a saúde.

Texto alterado por Chris Millard
Fonte: Dr Dráuzio Varela (As 7 dicas)
8ª dica: Livro Em busca da saúde Ideal, Dr. José Pedro Jorge Filho Editora Leitura

segunda-feira, 9 de julho de 2012

Sinceridade demais...

Imagem: Internet
"Toda crítica é incômoda: ao falarmos do outro, mesmo que a pedido, é preciso delicadeza e cuidado para não magoar mais do que o inevitável..." (Flávio Gikovate)

"Pouca sinceridade é uma coisa perigosa, e muita sinceridade é absolutamente fatal." (Oscar Wilde)


Sinceridade demais machuca? Claro que sim... A pessoa supersincera acaba as vezes sendo indelicada, excessivamente crítica, supermaldosa e superinconveniente se não souber dosar as palavras e os momentos adequados.

Não é para todo mundo que você tem que impor verdades... A pessoa pediu sua opinião? É realmente necessário se manifestar? Mas se for inevitável dar sua opinião, coloque uma dose extra de carinho na sua sinceridade. O limite é o bom senso, a gentileza. Ser sincero e sobretudo ter cuidado com as palavras certamente é uma arte. Pratique!
Sabemos muito bem quando estamos sendo crueis e machucando alguém.

Que sejamos sinceros sempre, mas jamais indelicados! Podemos falar a mesma coisa de vários jeitos diferentes a fim de não magoar o outro. Concordo com o Marcos Bersam que sabiamente disse "(...) A verdade antes de ferir, deve ter como propósito iluminar, esclarecer e libertar..." 

Abraços,
Chris Millard

terça-feira, 3 de julho de 2012

Dar um tempo...

Imagem: www.willtirando.com.br

Dar um tempo... Recebi a pergunta se "dar um tempo no relacionamento é bom ou ruim?"Depende das pessoas envolvidas, do motivo para este "tempo" e o que se quer resolver. As vezes este tempo servirá para uma reflexão, para "repensar"... mas dar um tempo não muda o outro e muito menos apaga as mágoas.

Precisa ser definido entre os envolvidos o porquê do tempo e quanto tempo. É uma boa saída para colocar os pensamentos no lugar, avaliar os próprios sentimentos e decidir o que se quer da vida, pois longe da convivência e pressão do parceiro, em alguns casos os dois separadamente podem refletir melhor.

A tática de pedir um tempo é muito usada para terminar relacionamentos. Mas é elegante depois do tempo pedido dar um retorno para a pessoa dizendo que após o tempo percebeu que é melhor cada um seguir o seu caminho. Não é legal dar falsas esperanças.

É importante lembrarmos que o tempo não resolve problemas de caráter, de traição e outros deslizes cometidos pelo parceiro. Avalie o que é aceitável e o que é inaceitável para você. Acredito totalmente na mudança e evolução das pessoas, mas se elas se propuserem a mudar e dar um tempo não é solução mesmo... As vezes as histórias não precisam de uma pausa e sim um ponto final para que outros personagens possam aparecer e mudar todo o contexto.

Abraços,
Chris Millard

Texto: Chris Millard